É tão estranho...

sábado, 9 de maio de 2009

Dá um medo, uma sensação de fraqueza, impotência...
Você percebe que a vida é tão passageira, tão frágil...

Como é ruim, ver pessoas tão jovens, e cheias de vida (mesmo que frágil e passageira) indo, e você nem ao menos tem a chance de se despedir. Ou demonstrar que vc tinha mesmo um carinho por ela.
É triste. Não gosto que seja assim. Não é justo com quem fica, e não é justo com quem vai.
Régis, você também se foi cedo demais.
Fique com Deus.

0 comentário(s) muito inteligente(s):